Desenhando Relatórios para a Experiência do Consumidor (CX)

Compartilhe:

Não é segredo que a Experiência do Consumidor é algo crítico para o sucesso de uma empresa. Por outro lado, criar uma experiência memorável não surge do nada. Ter uma empresa líder ou uma marca já posicionada não é garantia disso, pois o sucesso origina-se dos insights dos clientes, de seus hábitos de compra, de uso, etc., e são estes que nos darão a solução.

É dito que a habilidade de chegar a conclusões sobre negócios seria quase impossível se não por um painel de controle efetivo ou por relatórios para a experiência do consumidor. Para nós, um painel efetivo não é somente uma imagem de informação precisa, mas representa também a informação visual que é fácil de entender.

Embora seja mais fácil falar do que fazer, podemos nos basear na Experiência do Consumidor do nosso Caller First Analytics. Deixamos nossas recomendações para construir um painel de controle informativo e útil.

Mostrar informação produtiva

Um relatório deve oferecer uma visão de informação do passado e do presente, isso ajudará os funcionarios a trabalhar de forma rápida e efetiva, identificar as tendências e usá-las a seu favor. A parte disso, deve haver filtros que possam conectá-los de forma rápida e direta.

Se a informação é apresentada de forma ligada ao corporativo, os objetivos serão cumpridos, tanto os individuais como os em equipe. Os funcionarios são usados não só como condutores de informação e decisão, mas também melhoram a produtividade e a Experiência do Consumidor (CX).

 Tome decisões, não as reporte

As prioridades do cliente de cada empresa são signiticativamente diferentes. Coloque-se no lugar deles, como o público verá a informação que determina ser útil ou não. Com isso em mente, as prioridades serão mais claras e a informação ajudará a tomar decisões em vez de reportá-las.

Desenhe um painel de controle eficiente

Um painel de controle não deve lotar os funcionários com informações, muita personalização pode evitar o propósito disso e começar a criar análises dos funcionários. O que fazer e o que não fazer:

O que fazer:

– Inclua aspectos visuais, como cores, branding ou informação única de acordo com isso;

– Inclua regras de contexto e funcões que permita aos funcionários compartilharem rápidamente;

– Inclua informação de forma clara e fácil de manusear;

O que NÃO fazer:

– Abusar das cores e terminar sendo uma dor para os olhos;

– Dar informação antiga ou sem endosso, pois isso pode estragar todo o sistema;

– Não dar suporte constante à informação;

Ainda que os desenhos dos painéis não sejam fáceis, eles complementam visualmente uma grande quantidade de informação, as quais podem ser fácilmente entendidas e dirigidas de forma que você considere as melhores para seu negócio e suas metas estabelecidas, com o objetivo de proporcionar uma medição apropriada de informação e ajudar a empresa na batalha para melhorar a Experiência do Consumidor (CX).

Você pode estar seguro de uma coisa: a batalha pela Experiência do Consumidor (CX) será cada vez mais estratégica para sua empresa no futuro. Para mais informações, confira nosso White Paper sobre como entregar a Experiência do Consumidor.

Compartilhe: